Sete Barras sedia homenagem ao agricultor

A Cidade de Sete Barras homenageou os agricultores na data alusiva ao produtor rural no Brasil. A solenidade contou com autoridades municipais e pessoas relacionadas à cadeia produtiva.

Dia 28 de julho foi o Dia Nacional do Agricultor e por meio de uma parceria entre a Prefeitura de Sete Barras, Sindicato Rural e SENAR, aconteceu uma homenagem ao produtor rural no Município. Com a presença de mais de 300 pessoas, entre eles, quatro mulheres e três homens, receberam placas comemorativas pelo trabalho realizado no Município, que colaboraram diretamente para a melhoria da Agricultura.

No evento, que aconteceu pela primeira vez em Sete Barras, foram homenageados Geraldo Xavier (Bairro Guapiruvu), Pedro Gonçalves (Bairro Canela), José Pedro (Bairro Dois Irmãozinhos), Dilamar Amato (Bairro Guapiruvu), Sandra Aguiar (B. Rio Preto), Simone Souza (B. Conchal Preto) e Maria de Lourdes (B. Rio Preto) homenageados na noite do dia 28 de Julho. A intenção dos organizadores agora é tornar as comemorações do Dia do Agricultor parte do calendário de eventos da Cidade.

A solenidade de abertura do evento contou com a apresentação de um vídeo institucional onde o secretário de Agricultura, Arnaldo Jardim e o governador do Estado, Geraldo Alckmin, falava sobre a importância da Agricultura no estado de São Paulo e da força do agricultor na economia brasileira.

O prefeito anfitrião, Dean Martins, produtor rural por profissão, emocionado, agradeceu a contribuição de cada produtor de Sete Barras, na produção do alimento em nossas mesas e da importância deste profissional para a vida dos brasileiros. “Eu só tenho a agradecer a todos os agricultores de nosso Município”, ressaltou.

O presidente da Cooperativa da Agricultura Familiar de Sete Barras, Marcelo Fukunaga, apresentou o trabalho realizado pelo órgão sobre a Rede Solidária em Sete Barras, dentro do conceito de tecnologia social. Na oportunidade, o representante da Cooperativa buscou incentivar o pequeno produtor a buscar o aperfeiçoamento não somente na produção, mas na finalização e comercialização do que é produzido.

Acessos a esta notícia: 23
Não disponível!

Deixe um Comentário

Tamanho da fonte: Imprimir: